Pular para o conteúdo principal

Postagens

Destaques

Qual a maior raridade do mundo?

Para mim, o encontro do Senhor Jesus e Natanael foi um dos mais fascinantes das Escrituras. Este homem foi capaz de arrancar do Salvador uma declaração de aprovação surpreendente quanto à sua fé e caráter. Embora o registro da participação dele como discípulo seja breve, nas linhas em que é citado a sua pessoa se revela para nós. Quando o Mestre avistou Natanael, Ele extravasou um elogio porque, embora se relacionasse com tanta gente, era raro encontrar alguém daquele valor: “Eis aqui um verdadeiro israelita, em quem não há dolo.” (Jo 1.47). Ali estava diante do Senhor, um homem que pertencia ao seleto grupo de pessoas sinceras, pois nele não havia más intenções, duplicidade, meias palavras e muito menos “sede de aparecer” para os outros. Ele não era perfeito, mas vivia aquilo que conhecia sobre a fé. Não ostentava santidade, porém a exalava silenciosamente em sua vida diária, ou seja, no seu caráter, comportamento e palavras. Perplexo com a afirmação do Mestre, ele perguntou de onde …

Últimas postagens

Guia-me no caminho que o Senhor projetar......

Para meu Pai

Treine seu silêncio

Em Seus pés

Uma história de amor eterno

Tenho um chamado de Deus. E agora?

Detalhes

Há um lugar

Um refrigério

Coragem